Ereção Fraca, o Que Fazer Quando o Pênis Não Fica Mais Duro Veja Como Resolver

Como resolver quando o ele não fica mais duro? A ereção fraca é um problema que vem com idade. No entanto não é exclusividade da idade, outros motivos podem levar a perda de ereção.

Você também tem esse tipo de dúvidas? Está passando por problemas de ereção, falta de ereção ou ereção fraca?

Então continue lendo que vamos falar sobre isso nesse artigo, o que fazer quando o pênis não fica mais duro e ou amolece durante o ato.

Normalmente quando se começar a ter problemas de perda de ereção, a primeira coisa que se pensa é “estou impotente?” ou “Tenho disfunção erétil?”.

Mas perder a ereção não quer dizer necessariamente que tem disfunção erétil. A falta de ereção é sim um sinal, um sintoma de que alguma coisa não está bem em seu organismo.

Normalmente quando o homem tem algum problema seja de ordem fisiológica ou psicológica a primeira parte a ser afetada é o pênis ele não fica mais duro como antes.

Então vamos ver quais as possíveis causas desse problema.

Disfunção erétil.

A disfunção erétil ou impotência sexual masculina se caracteriza quando o homem não consegue ter mais ereção nenhuma ou praticamente nenhuma.

Mas se o seu pênis não fica mais duro. No entanto, atinge o estado conhecido popularmente como “meia bomba”. Isso que dizer que você ainda tem ereção.

Porém não é uma ereção completa, e na maioria dos casos está relacionado a dois fatores, fluxo sanguíneo no pênis, ou níveis baixos de testosterona.

No caso da testosterona é mais comuns em homens mais velhos acima dos 40 anos, mas pode acontecer em homens mais novos também apesar de ser menos comum.

Porém, também pode estar relacionado com alguma doença como hipertensão, diabetes ou depressão ou mesmo com os remédios normalmente indicados para tratar esses problemas.

Possíveis Causas.

Vamos falar das causas mais prováveis para o problema que acontece na grande maioria dos casos.

  • Baixos níveis de testosterona.
  • Problemas de circulação, diminuição do fluxo de sangue para o pênis
  • Alimentação pobre em nutrientes.
  • Estresse
  • Álcool e fumo
  • Sedentarismo
  • Uso de medicamentos de uso continuo

Como Saber Qual o Meu Caso.

Uso de medicamentos de uso continuo

Se você tem algum tipo de doença crônica, como diabetes e hipertensão, doenças que segundo os médicos é necessário tratar com medicamentos para o resto da vida.

Então esse é o primeiro ponto a se investigar, a falta de ereção pode estar relacionada a doença ou ao medicamento que esta usando para tratar o problema.

Como Resolver: O primeiro passo é buscar orientação do seu médico sobre os medicamentos que está usando e expor o problema que pode estar ligado ele.

Busque também formas mais naturais de tratar o problema de saúde, tratamentos alternativos, medicina natural, ortomolecular.

Isso para tentar diminuir a dependência de medicamentos que possuem efeitos colaterais nocivos como os normalmente receitados.

Provavelmente seu médico vai receitar algum remédio como viagra para tratar é a opção mais fácil e rápida.

Se for  o caso não se acomode tomando esse tipo de remédio que não resolve o problema apenas mascara.

Baixos níveis de testosterona.

A testosterona é o principal hormônio do corpo do homem, e quando seus níveis começam a cair a primeira parte do corpo a ser afetada é o pênis.

A perda de ereção matinal é um sintoma de que as coisas não estão bem. Já ouvi “especialistas” em entrevistas de televisão falar ao contrário, besteira!

Sei por experiencia própria que isso é um fato tenho 44 anos e faço reposição de testosterona e as coia melhoram muito depois que comecei.

Como Resolver: Se você tem mais de 40 anos certamente esta com baixos níveis de testosterona no organismo, para ter certeza pode realizar o exame de testosterona livre e testosterona total.

Você pode fazer reposição de testosterona, por meio de comprimidos via oral ou por creme bio idêntico o mais indicado e o que faço.

Mudanças na alimentação também podem ajudar a melhorar os níveis de testosterona de forma natural, conheça os principais alimentos que aumentam a testosterona.

Estresse

O estresse também está ligado aos baixos níveis de testosterona já que ele está associado ao aumento nos níveis de cortisol o hormônio do estresse.

O cortisol não é um hormônio, ele fica alto pela manhã quando acorda por exemplo é o que te da energia para fazer tudo que precisa.

Problema que o estresse crônico eleva o cortisol o tempo todo, isso leva a queda nos níveis de testosterona pois são hormônio que vão de encontro um como o outro, ou seja, quando um está alto o outro está baixo.

Como Resolver: Buscar atividades que diminuam o estresse, consumir chás como o de camomila e cavalinha, ter uma alimentação mais saudável, sem alimentos industrializados.

De atenção a atividades físicas como caminhado, natação e corridas ótimas para aliviar o estresse, e fazer coisas que te deem prazer.

Alimentação

Pode até parecer clichê, mas é a verdade nosso organismo precisa de nutrientes, vitaminas e minerais para funcionar corretamente.

E esses nutrientes vem para nosso corpo através da alimentação, então é necessário dar atenção a alimentação não é apenas frescura! É realidade você precisa se alimentar direito.

Como Resolver: Buscar a orientação de uma nutricionista de preferência uma com formação ortomolecular, para ficar ai tomando leite desnatado achando que é bom.

E buscar se alimentar com comida de verdade como dizem alguns médicos, deixar tudo que for industrializado começando assim já vai sentir uma boa melhora.

Fluxo sanguíneo insuficiente para o órgão masculino

O bom fluxo de sangue para o órgão masculino é fundamental para ter e manter um ereção potente o suficiente para ter uma relação sexual.

Existem diversos fatores que podem levar a diminuição da circulação, como idade, má alimentação, estresse… Basicamente os motivos que levam a ereção fraca, também prejudicam a circulação.

Como resolver: Existem medicamentos naturais que ajudam, fazer massagens com gel e creme de preferência com gel e creme específicos para o aumento peniano como o Penigel.

Sedentarismo

O sedentarismo é prejudicial para o fluxo sanguíneo e para saúde cardiovascular, além do aumento de peso.

Todas fatores de risco que prejudicam e muito a ereção.

Como resolver: procure se movimentar mais, praticar atividades físicas, alguma que te tragá prazer ao executar para não enjoar.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 5.00 out of 5)
Loading...


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

one + 16 =